Послание к Галатам, глава

Para a liberdade Cristo nos libertou; permanecei, pois, firmes e não vos dobreis novamente a um jogo de escravidão.

Eis que eu, Paulo, vos digo que, se vos deixardes circuncidar, Cristo de nada vos aproveitará.

E de novo testifico a todo homem que se deixa circuncidar, que está obrigado a guardar toda a lei.

Separados estais de Cristo, vós os que vos justificais pela lei; da graça decaístes.

Nós, entretanto, pelo Espírito aguardamos a esperança da justiça que provém da fé.

Porque em Cristo Jesus nem a circuncisão nem a incircuncisão vale coisa alguma; mas sim a fé que opera pelo amor.

Corríeis bem; quem vos impediu de obedecer à verdade?

Esta persuasão não vem daquele que vos chama.

Um pouco de fermento leveda a massa toda.

Confio de vós, no Senhor, que de outro modo não haveis de pensar; mas aquele que vos perturba, seja quem for, sofrerá a condenação.

Eu, porém, irmãos, se é que prego ainda a circuncisão, por que ainda sou perseguido? Nesse caso o escândalo da cruz estaria aniquilado.

Oxalá se mutilassem aqueles que vos andam inquietando.

Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Mas não useis da liberdade para dar ocasião à carne, antes pelo amor servi-vos uns aos outros.

Pois toda a lei se cumpre numa só palavra, a saber: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo.

Se vós, porém, vos mordeis e devorais uns aos outros, vede não vos consumais uns aos outros.

Digo, porém: Andai pelo Espírito, e não haveis de cumprir a cobiça da carne.

Porque a carne luta contra o Espírito, e o Espírito contra a carne; e estes se opõem um ao outro, para que não façais o que quereis.

Mas, se sois guiados pelo Espírito, não estais debaixo da lei.

Ora, as obras da carne são manifestas, as quais são: a prostituição, a impureza, a lascívia, a idolatria, a feitiçaria, as inimizades, as contendas, os ciúmes, as iras, as facções, as dissensões, os partidos, as invejas, as bebedices, as orgias, e coisas semelhantes a estas, contra as quais vos previno, como já antes vos preveni, que os que tais coisas praticam não herdarão o reino de Deus.

Mas o fruto do Espírito é: o amor, o gozo, a paz, a longanimidade, a benignidade, a bondade, a fidelidade.

a mansidão, o domínio próprio; contra estas coisas não há lei.

E os que são de Cristo Jesus crucificaram a carne com as suas paixões e concupiscências.

Se vivemos pelo Espírito, andemos também pelo Espírito.

Não nos tornemos vangloriosos, provocando-nos uns aos outros, invejando-nos uns aos outros.